Grama Coreana

A grama coreana, também conhecida como grama japonesa, grama mascarenha e grama veludo, é uma gramínea pertencente à família Poaceae. A grama coreana (Zoysia Tenuifolia) é muito utilizada como gramado em projetos residenciais, empresariais e, muito comumente, também é encontrada em campos de golfe localizados em regiões de clima subtropical a tropical. É um tipos de grama de crescimento lento que necessita de pouco aparo, porém é muito sensível à climas frios e necessita de adubações semestrais e irrigações regulares.

Grama Coreana (Zoysia Tenuifolia)

Características da Grama Coreana

A grama coreana exibe um verde de tonalidade média e possui a menor tolerância ao frio entre todas as gramas do gênero Zoysia. Ela pode alcançar de 10 a 15 cm de altura, mas cresce num ritmo bem reduzido e raramente requer aparo para manter seu comprimento ou aparência. Contudo, essa variedade de grama é muito conhecida por produzir altas quantidades de folhas secas. A grama coreana é rizomatosa, então não possuí estolões que ficam aparentes quando aparada demais, já que seus caules ficam escondidos embaixo da terra.

Raramente a grama coreana se desenvolve por si só em um gramado denso quando na natureza, e isso requer uma boa fonte de nutrientes e água, por isso é considerado um gramado pobre, por conta de sua aparência geral “in natura”. Contudo, por necessitar de mais nutrientes, garante combater com eficiência qualquer tipo de erva daninha que possa surgir. Esse tipo de grama demonstra uma tendência a desenvolver pequenas moitas que, embora seja uma característica de um gramado robusto, não é muito tolerante ao tráfego e ao pisoteio, característica muito peculiar da grama coreana.

Aplicação da Grama Coreana

Grama CoreanaSuas folhas maciças que se assemelham a finas lâminas pontiagudas fazem da grama coreana uma excelente escolha para o paisagismo e é muito utilizada em jardins orientais, ao redor de pedras e perto de lagos ornamentais. Ela cresce muito bem em torno de caminhos de pedras ou quando utilizada como cobertura ao redor de uma árvore frutífera, lugares onde um gramado totalmente uniforme não é extremamente necessário.

É também um tipo perfeito de relva para um gramado, pois necessita de pouca manutenção que constitui apenas a retirada da folhagem morta e a irrigação do gramado e por isso é muito comum encontrar a grama coreana em jardins e campos de golfe, onde o tráfego no gramado não é muito intenso.

Como Cultivar a Grama Coreana

Por ser um tipo de grama rizomatosa, a multiplicação da grama coreana se dá principalmente através da divisão dos rizomas, porém é muito comum ser encontrada à venda em forma de placas e plugs (mudas). Também pode ser cultivada a partir de sementes, mas esse é um processo longo e dispendioso. Seu método de cultivo mais comum é em placas, estas que devem ser estendidas em um solo previamente bem nivelado.

A grama coreana tem muito pouca resistência ao frio e, como é originária de regiões tropicais, deve ser cultivada a pleno sol. Também é muito exigente em relação aos nutrientes encontrados no solo e por isso deve ser feita sua fertilização semestral, que é esporádica, porém extremamente essencial.

Manutenção da Grama Coreana

A manutenção da grama coreana tem seus altos e baixos, porque enquanto necessita de menos aparo, por outro lado exige mais atenção.

Esse tipo de grama pode alcançar de 10 a 15 cm de altura, porém seu aparo deve ser feito quando atingir cerca de 2 a 4 cm. Como a grama coreana cresce em um ritmo reduzido, seu aparo é feito apenas para manter o gramado nivelado, não sendo totalmente necessário, dependendo de suas necessidades e gosto pessoal. Quando aparada demais, pode apresentar o inconveniente de deixar exposta a parte inferior do gramado, o que pode ser evitado com uma pode freqüente que irá produzir mais folhagem na parte inferior, próxima ao chão.

A grama coreana requer adubação consistente ao longo do ano, que deve ser feita semestralmente. Não cumprida a fertilização, a grama pode morrer em muito pouco tempo ou apresentar sinais de seca em solos pobres, como a produção elevada de folhagem morta e a diminuição da densidade da cobertura do gramado.

Grama Coreana Benefícios

Prós e Contras da Grama Coreana

Prós

  • Quando bem cuidada, produz um gramado extremamente cheio e denso;
  • Sua tonalidade de verde médio-intenso tem alto valor estético para o paisagismo;
  • Seu crescimento é reduzido, o que diminui a necessidade de aparo;
  • Desenvolve pequenas moitas ao longo do gramado que dá uma maior sensação de grama rústica, de ambiente selvagem;
  • A grama coreana desempenha bem o papel de combate às ervas daninhas;
  • É, como várias outras espécies, um tipo de grama perene, com um ciclo de vida indefinido;

Contras

  • Produz folhagem morta em grande quantidade e que necessita ser retirada periodicamente;
  • A grama coreana demanda uma boa concentração de nutrientes no solo que devem ser repostos com o trabalho de fertilização semestral;
  • Não suporta climas frios e só se desenvolve bem a pleno sol, o que exige regas regulares;
  • Não tolera períodos de seca;
  • Pouca resistência ao pisoteio e rebrote lento;

Contribua com o site!

Quer participar de melhorias no GramaGrama.net? Utilize o formulário abaixo e nos conte suas experiências ou deixe seus comentários e críticas. Utilizaremos quaisquer informações para o aperfeiçoamento de nosso conteúdo e tentaremos preencher todos os pedidos sobre artigos e dicas requisitados.

Uma resposta para “Grama Coreana”

  1. Bruno disse:

    Entrei em vários sites mas só neste encontrei mais informações detalhadas sobre a grama coreana.

    Eu plantei este final de semana no meu jardim em uma area de mais ou menos 30m², tenho regado um pouco todo dia e espalhei um pouco de fertilizante nela também.

    Uma parte dela já adiquiriu um verde bonito mas uma parte esta com aparência meio seca, espero que eu não esteja pecando em algum ponto.

    Valeu!

Deixe uma resposta para Bruno